quinta-feira, novembro 09, 2006

Semana não.

Esta semana não tem sido nada das melhores, e para mais ajuda hoje então não começou nada bem o dia.
Ontem à noite já me deitei com algumas dores na cervical, mas consegui dormir na mesma. Só que de manhã ao acordar 10 minutos antes do despertador tocar, quase que não conseguia mexer o pescoço com tantas dores. Lá tive que tomar um Aulin (que é o único a tirar-me estas dores brutais e que pode desencadiar um brutal ataque de asma) e despachar-me para vir para Lisboa.
Devido à grave do Metro vim no combóio da Fertagus que tinha o ar condicionado um bocadito para o frio, e que a meio do caminho se lembrou de avariar... mas lá seguiu e não se atrasou mais de 5 minutos. Ao sair na estação Areeiro vim a pé até ao Anjos, onde durante o percurso levei uma valente cacetada de um homem que passou e nem se desviou um milimetro!
Mas algo se foi modificando durante o caminho, não sei se por ver um grupo de mendigos na rua, se pelo facto de andar a pé me tenha feito acalmar e relaxar... o facto é que estou um pouco melhor. Comecei a olhar em redor e a apreciar o que via, e decidi que amanhã vou trazer a minha máquina fotográfica para captar algumas coisas que vi e gostei.

Mas as dores voltaram e algumas dúvidas também a pairar sobre mim. Só quero que o dia termine, que cheguem as 18h para poder voltar para casa.

2 comentários:

Analog Girl disse...

Dias que começam com dores de cabeça são assustadores...se eu mandasse, nesses dias ninguém saía da cama...claro que estou c dores de cabeça agora...

Caminhar...é do melhor que há.
Também já senti o meu dia melhorar só por caminhar alguns metros a pé...
Bem bom!
As melhoras
:)

Clau disse...

Obrigada linda!
Hoje já estou bastante melhor, tanto em termos de dores (que já não tenho) como em termos de humor. Hoje já sou eu novamente, bem disposta e sorridente.

Espero que tu também.. beijao!